Introdução

O sistema de autenticação OAuth2 da unico suporta a interação server-to-server entre uma aplicação web e os produtos e serviços da unico. Para este cenário, você precisará de uma conta de serviço, que é uma conta impessoal que pertence à sua aplicação e não a um usuário individual. Sua aplicação chama as APIs da unico em nome da conta de serviço, portanto usuários não estão diretamente envolvidos. Este cenário é chamado “two-legged OAuth”, ou “2LO”. Tipicamente, uma aplicação utiliza uma conta de serviço quando a aplicação chama as APIs da unico para trabalhar com seus próprios dados ao invés dos dados do usuário.

Por exemplo, uma aplicação que utiliza o unico | sign para enviar um documento que precisa de assinaturas de pessoas, deve utilizar uma conta de serviço para fazer a autenticação na API do unico | sign. Outros exemplos incluem uma aplicação que utiliza o unico | check para iniciar um processo de crediário, ou outra aplicação que se integra com unico | people para gerenciar posições de trabalho. Em ambos os casos, para interagirem com as API’s dos produtos da unico, requer-se que tais aplicações sejam autenticadas através de suas contas de serviço.

Este documento descreve como uma aplicação pode completar o processo de autenticação OAuth2 server-to-server através do protocolo HTTP.